Quarta-feira, 30 de Novembro de 2005
Um Pequeno Gesto Pode Mudar a Vida de Uma Pessoa

Um Pequeno Gesto Pode Mudar a Vida de Uma Pessoa

 

meninos amigos.gif

 

Um dia, quando eu era caloiro na escola, vi um miúdo da minha turma a caminhar para casa depois da aula. O nome dele era Kyle. Parecia que estava a carregar os seus livros todos. Eu pensei: “Porque é que leva para casa todos os livros numa sexta-feira? Ele deve ser mesmo um marrão”.
Como já tinha o meu fim-de-semana planeado festas e um jogo de futebol com meus amigos no sábado a tarde, encolhi os ombros e segui o meu caminho. Conforme ia caminhando, vi um grupo de miúdos a correr na direcção dele. Eles atropelaram-no, arrancando-lhe todos os livros dos braços e empurraram-no, de tal forma que ele caiu no chão. Os seus óculos voaram, e eu vi-os aterrarem na relva a alguns metros de onde ele estava. Ele ergueu o rosto e eu vi uma terrível tristeza nos seus olhos. O meu coração penalizou-se por ele. Então, corri até ele enquanto ele gatinhava à procura dos óculos, pude ver lágrimas nos seus olhos. Enquanto lhe entregava os óculos, eu disse:
- Aqueles tipos são uns parvos. Eles deviam era arranjar uma vida própria.
Ele olhou para mim e disse:
- Ei, obrigado!
Havia um grande sorriso na sua face. Era um daqueles sorrisos que realmente mostram gratidão. Eu ajudei-o a apanhar os livros, e perguntei-lhe onde morava. Por coincidência ele morava perto da minha casa e então eu perguntei como é que nunca o tinha visto antes. Ele respondeu que antes frequentava uma escola particular. Conversámos todo o caminho de volta para casa, e carreguei-lhe os livros. Ele revelou-se um miúdo muito porreiro. Perguntei-lhe se queria jogar futebol no sábado comigo e com os meus amigos, ele disse que sim. Ficamos juntos todo o fim-de-semana e quanto mais eu conhecia Kyle, mais gostava dele. E os meus amigos pensavam da mesma forma. Chegou a Segunda-Feira, e lá estava o Kyle com aquela quantidade imensa de livros outra vez. Parei-o e disse:
- Diabos, pá,vais fazer o quê com os livros de novo?
Ele simplesmente riu e entregou-me metade dos livros. Nos quatro anos seguintes Kyle e eu tornámo-nos melhores amigos. Quando nos estávamos a formar começámos a pensar na faculdade. Kyle decidiu ir para Georgetown, e eu ia para a Duke. Eu sabia que seríamos sempre amigos, que a distância nunca seria um problema. Ele seria médico, e eu ia tentar uma bolsa escolar na equipa de futebol. Kyle era o orador oficial da nossa turma. Eu provocava-o o tempo todo por ele ser um C. D. F. Ele teve que preparar um discurso de formatura. Eu estava super contente por não ser eu a subir ao palanque e discursar. No dia da Formatura eu vi Kyle. Ele estava óptimo. Era um daqueles tipos que se encontram durante a escola. Ele estava mais encorpado e realmente tinha uma boa aparência, mesmo usando óculos. Ele saia com mais miúdas do que eu, e todas as raparigas o adoravam! Às vezes eu até ficava com inveja. Hoje era um desses dias. Eu podia ver o quanto ele estava nervoso por causa do discurso. Então dei-lhe uma palmadinha nas costas e disse:
- Ei, rapaz, vais-te sair bem!
Ele olhou para mim com aquele olhar aquele olhar de gratidão e sorriu.
-Valeu, disse ele.
Quando ele subiu ao oratório, limpou a garganta e começou o discurso:
"A Formatura é uma época para agradecermos aqueles que nos ajudaram durante estes anos duros. Aos pais, aos professores, aos irmãos, talvez até a um treinador. Mas principalmente aos amigos. Eu estou aqui para lhes dizer ser um amigo para alguém é o melhor e que se pode dar. Eu vou-lhes contar uma história".
Eu olhei para o meu amigo sem conseguir acreditar enquanto ele contava a história sobre o primeiro dia em que nos conhecemos. Ele tinha planeado suicidar-se naquele fim-de-semana. Contou a todos como tinha esvaziado o seu armário na escola, para que a mãe não tivesse que fazer isso depois de ele morrer, e estava a levar as suas coisas todas para casa. Ele olhou directamente nos meus olhos e deu-me um pequeno sorriso:
"Felizmente eu fui salvo. O meu amigo salvou-me de fazer algo inominável".
Eu observava, com um nó na garganta, todos na plateia, enquanto aquele rapaz popular e bonito contava a todos sobre aquele seu momento de fraqueza. E vi a mãe e o pai dele a olharem para mim e a sorrir com aquela mesma gratidão. Até aquele momento eu nunca me tinha apercebido da profundidade do sorriso que ele dirigiu naquele dia.

Nunca subestimes o poder das tuas acções. Com um pequeno gesto podes mudar a vida de uma pessoa. Para melhor ou para pior. Deus coloca-nos a todos nas vidas uns dos outros para que tenhamos um impacto sobre o outro de alguma forma. Procura o bem nos outros. Amigos são anjos que nos deixam em pé quando as nossas asas têm problemas e não se lembram de como voar.



publicado por Moon Girl às 18:15
link do post | comentar | ver comentários (8) | adicionar aos favoritos

Sábado, 19 de Novembro de 2005
A Árvore dos Amigos

A ÁRVORE DOS AMIGOS

 

Arvore_amigos.jpg

 

Existem pessoas em nossas vidas que nos deixam felizes pelo simples facto de terem cruzado o nosso caminho.

Algumas percorrem ao nosso lado, vendo muitas luas passarem, mas outras apenas vemos entre um passo e outro.

A todas elas chamamos de amigo. Há muitos tipos de amigos. Talvez cada folha de uma árvore caracterize um deles. O primeiro que nasce do broto é o amigo pai e o amigo mãe. Mostram o que é ter vida.

Depois vem o amigo irmão, com quem dividimos o nosso espaço para que ele floresça como nós. Passamos a conhecer toda a família, a qual respeitamos e desejamos o bem.

Mas o destino nos apresenta outros amigos, os quais não sabíamos que iam cruzar o nosso caminho.

Muitos desses são designados amigos do peito, do coração. São sinceros, são verdadeiros. Sabem quando não estamos bem, sabem o que nos faz feliz…

Ás vezes, um desses amigos do peito estala o nosso coração e então é chamado de amigo namorado. Esse dá brilho aos nossos olhos, música aos nossos lábios, pulos aos nossos pés.

Mas também há aqueles amigos por um tempo, talvez umas férias ou mesmo um dia ou uma hora. Esses costumam colocar muitos sorrisos na nossa face, durante o tempo que estamos por perto.

Falando em perto, não podemos nos esquecer dos amigos distantes, que ficam nas pontas dos galhos, mas que quando o vento sopra, aparecem novamente entre uma folha e outra.

O tempo passa, o verão se vai, o Outono aproxima-se, e perdemos algumas das nossas folhas. Algumas nascem num outro verão e outras permanecem por muitas estações. Mas o que nos deixa mais feliz é que as que caíram continuam por perto, continua aumentando a nossa raiz de alegria.

Lembranças de momentos maravilhosos enquanto cruzavam o nosso caminho.

Simplesmente porque:

Cada pessoa que passa em nossa vida é única. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós. Há os que levaram muito, mas não há os que não deixaram nada.

Esta é a maior responsabilidade da nossa vida e a prova evidente de que duas almas não se encontram por acaso.



publicado por Moon Girl às 18:52
link do post | comentar | ver comentários (8) | adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 14 de Novembro de 2005
O Valor de Um Abraço

O VALOR DE UM ABRAÇO

 

0,,3060767,00.jpg

 

Aproxima-te mais…
Tenta sentir do que um abraço é capaz.
Quando bem apertado, ele ampara tristezas,
combate incertezas, sustenta lágrimas, põe a
nostalgia de lado. É até capaz de diminuir o medo. Se for cheio de ternura, ele guarda segredos, e
jura cumplicidade. Um abraço amigo de verdade divide
alegrias e fica feliz em comemorar, o que quer que seja… Abraços são pequenas orações de fé e energia. Olha para o lado:
Há sempre alguém que quer ser abraçado e não tem
coragem de dizer. Abraça-o. O pior que te pode acontecer
é ganhares de volta um sorriso de carinho, ou quem sabe
uma palavra sincera. Tu vais descobrir que ninguém está sozinho e que a vida pode ser um eterno céu de
primavera. Aproxima-te mais e tenta sentir do que um abraço é capaz.



publicado por Moon Girl às 12:53
link do post | comentar | ver comentários (9) | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 2 de Novembro de 2005
Eu Importo-me Contigo!

EU IMPORTO-ME CONTIGO!

 

malhacao_abracinho.jpg

 

 

Se eu pudesse tirar esse sofrimento do

teu coração, eu faria.

Se eu pudesse tirar a tua dor e

fazê-la minha, eu faria.

Eu posso dizer-te:

"Existe uma razão para tudo

que está acontecendo contigo",

pois nada é por acaso.

Ás vezes a estrada da vida

tem trechos obscuros,

difíceis de serem trilhados e

que fazem com que tudo pareça

difícil e sem saída.

Eu quero que tu

tenhas sempre a certeza...

...que eu estou aqui

se precisares conversar,

se precisares chorar,

se precisares de conforto ou,

simplesmente confidenciares

 o teu silêncio comigo.

Eu importo-me contigo e,

 estarei sempre ao teu lado!



publicado por Moon Girl às 22:48
link do post | comentar | ver comentários (15) | adicionar aos favoritos

Perfil
Nome: Moon Girl
Cidade: Porto
Frase: Queria estar contigo a ver a lua, sentir a minha mão na tua e saber se nos teus olhos eu existo...

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
posts recentes

Feliz Páscoa 2016!

Os Verdadeiros Amigos

Valorizar Cada Momento

Ser Forte...

Convite

Maturidade

A Lenda do Bolo Rei

Feliz Ano Novo 2016!

Minha Tag Premiada no Nat...

Feliz Natal 2015!

arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


links
::LINK ME::




PARTICIPO


OBRIGADA AMIGA LINDALVA






OBRIGADA AMIGOS DO FAROL


OBRIGADA MINDA


MINHA TAG VENCEDORA NO CONCURSO DE TAGS 2015




MEU VAGÃO DO TREM DA ALEGRIA NATAL AZUL 2015


DIPLOMA DE MÉRITO
MEU POEMA PREMIADO NO OSTRA DA POESIA 2015












Presente da amiga Lindalva


Presente da amiga Cláudia Forte


Presente da amiga Tétis


Presente da amiga Gracita
TROFÉUS RECEBIDOS






Photobucket



Protected by Copyscape Duplicate Content Checker
subscrever feeds